Blog Bem Panvel

Dipirona 500mg: bula, para que serve, como tomar e mais

Medicamento analgésico e antipirético, ele é indicado para aliviar a dor e febre. 

Geralmente ele é usado no tratamento de resfriados, gripes, nevralgias, reumatismo, artrite ou dores de cabeça.

Como funciona?

A dipirona monoidratada, que é a principal substância do medicamento, é oriunda do derivado pirazolônico não narcótico, que possui efeitos antipiréticos, analgésicos e espasmolíticos.

De uma maneira geral, atua para reduzir os espasmos e a dor.

Os efeitos costumam aparecer entre 30 até 60 minutos depois de ingerido.

Qual a composição?

Cada comprimido desse remédio possui:

  • 527,000 mg de dipirona monoidratada.

Além dos excipientes, que são:

  • Croscarmelose Sódica; 
  • Dióxido de Silício; 
  • Sacarose Amido;
  • Estearato de Magnésio.

Como tomar Dipirona corretamente?

O medicamento deve ser ingerido via oral com o auxílio de líquidos.

É recomendado o uso entre 1 até 2 comprimidos até 4 vezes ao dia. 

Doses em maiores quantidades devem ser prescritas por orientação médica.

Quais são os efeitos colaterais?

Os efeitos colaterais mais comuns no uso de Dipirona, são:

  • Ataques de asma.

Quais são os cuidados indicados?

O medicamento exige alguns cuidados para:

  • Pacientes que possuam hipersensibilidade aos componentes da fórmula;
  • Pacientes com porfiria hepática ou problemas congênitos de glicose;
  • Crianças com menos de 15 anos de idade;
  • Grávidas e lactantes devem consultar o médico de forma prévia;
  • Pessoas com glaucoma de ângulo fechado, discrasia sanguínea, nefrite, infecções respiratórias ou problemas cardiocirculatórios.

Quais são as contraindicações?

Dipirona é contraindicada nos casos de:

  • Pacientes com alergia a qualquer um dos componentes da fórmula;
  • Pacientes com função da medula óssea prejudicada ou doenças do sistema hematopoiético;
  • Pessoas que já sofreram de broncoespasmo ou urticárias;
  • Pacientes com porfiria hepática aguda;
  • Pacientes que sofrem com deficiência de glicose;
  • Além de grávidas, lactantes e crianças com menos de 3 meses de idade ou com menos de 5 quilos.

Diabéticos devem ter atenção: o medicamento possui açúcar.

Interações medicamentosas

É necessário cuidado na interação medicamentosa nos seguintes casos:

  • Ciclosporinas;
  • Ácido acetilsalicílico; 
  • Bupropiona;
  • Metotrexato.

Para compreender melhor quais são os riscos causados, clique aqui e leia a bula completa.

Quanto custa Dipirona?

Você encontra o Dipirona à venda na Panvel Farmácias. Confira:

Perguntas mais frequentes sobre o medicamento

Superdosagem

Os sintomas mais comuns no caso de superdosagem, são:

  • Náuseas, 
  • Dor abdominal, 
  • Vômito, 
  • Deficiência da função renal,
  • Sonolência, 
  • Vertigem, 
  • Queda da pressão sanguínea,
  • Coma, 
  • Convulsões,
  • Taquicardia.

Nesse caso, é indicado entrar em contato com o médico responsável e dirigir-se até o pronto atendimento mais próximo.

Bula de Dipirona Sódica

Confira a bula de Dipirona Sódica.

Fontes

As informações deste artigo foram tiradas da bula de Dipirona Sódica, produzido pela EMS, e do site oficial do medicamento.

Perguntas Frequentes sobre esse medicamento

menu

Pin It on Pinterest