Blog Bem Panvel

A importância da segurança dos alimentos para a saúde e o bem-estar

Por 
 | 
07/06/2022
3 min. de leitura

Quais ações você já conhece para ajudar a prevenir, detectar e gerenciar riscos de origem alimentar? Chamar a atenção para o tema é o objetivo do Dia Mundial da Segurança dos Alimentos, celebrado neste 7 de junho. Em 2022, a data traz o tema “Alimentação Segura, Melhor Saúde”.

A segurança dos alimentos se refere às condições e práticas que preservam sua qualidade. Essas ações previnem a contaminação e as doenças de origem alimentar. A saúde e o bem-estar tanto das pessoas quanto dos animais e do meio ambiente depende do acesso a alimentos seguros - apenas com eles poderemos aproveitar ao máximo o valor nutricional e os benefícios de uma refeição segura.

São diversas as formas pelas quais os alimentos podem sofrer contaminação. Alguns deles já podem conter bactérias ou parasitas. Esses micróbios podem se disseminar durante o processo de empacotamento, por exemplo, quando os produtos não são manuseados adequadamente. O armazenamento ou cozimento inapropriados também podem provocar a contaminação. Por isso, o manuseio e o armazenamento adequados dos alimentos são vitais para reduzir o risco de contrair doenças de origem alimentar.


Quer saber como evitar que isso aconteça? A Organização Mundial da Saúde estabeleceu cinco chaves para uma alimentação segura. Conheça-as:

1 - Cozinhe com água e matérias-primas seguras

  • Ao cozinhar, utilize água potável ou tratada
  • Selecione alimentos seguros e frescos
  • Lave as frutas e vegetais, especialmente se forem consumidos crus
  • Para sua segurança, escolha alimentos já processados, como o leite pasteurizado

2 - Mantenha a limpeza

  • Lave as mãos antes e durante o preparo de alimentos
  • Lave as mãos depois de ir ao banheiro
  • Lave e desinfete todas as superfícies e equipamentos usados no preparo de alimentos
  • Proteja os alimentos de insetos, pragas e outros animais

3 - Separe os alimentos crus e cozidos

  • Use equipamentos e utensílios diferentes, como facas ou tábua de cortar, para manipular carne, frango, pescados e outros alimentos crus
  • Conserve os alimentos em recipientes separados para evitar o contato entre crus e cozidos.

4 - Cozinhe completamente os alimentos

  • Cozinhe completamente os alimentos, especialmente carne, frango, ovos e pescado
  • Ferva alimentos como sopas e refogados para garantir que asseguraram 70°C
  • Reaqueça completamente a comida cozida

5 - Mantenha os alimentos em temperaturas seguras

  • Não deixe alimentos cozidos em temperatura ambiente por mais de duas horas
  • Refrigere rapidamente os alimentos cozidos e/ou perecíveis (preferencialmente abaixo de 5°C)
  • Não descongele alimentos a temperatura ambiente

Alergias alimentares

Comer alimentos de procedência segura e ainda assim, sentir desconforto, pode ser um sinal de alergia ou intolerância alimentar. Os testes de Alergia e Intolerância Alimentar ECO TESTE são o primeiro passo para verificar essa situação - uma ferramenta de diagnóstico rápido que pode identificar os intolerantes ou alérgenos mais comuns.  Escolha o teste e agende o atendimento na Panvel Clinic:

Todos os testes contam com a tecnologia de imunoensaio enzimático (Elisa) e fornecem resultados semiquantitativos, com procedimento simples e rápido. Não há qualquer contraindicação para o teste: ele pode ser feito a partir dos cinco anos e o paciente tem toda a segurança de um teste eficaz sem qualquer risco de contato com alérgenos.

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

menu