Cuidados com a pele na gravidez: antes e depois do parto

por | 24 maio, 2021

5 min. de leitura

Em qualquer etapa da vida seu corpo merece cuidados, mas durante a gestação é ainda mais importante dedicar tempo à pele. A atenção no uso de dermocosméticos vai da descoberta da chegada do bebê ao puerpério.

Mas atenção: é fundamental buscar e seguir recomendações médicas antes de usar quaisquer cremes ou loções. Tão importante quanto manter saudável a pele na gravidez e depois do parto é usar produtos que trazem benefícios às mamães sem riscos aos bebês.

Como fica a pele da gestante?

Entre as mudanças mais frequentes no corpo das futuras mamães durante a gravidez estão as manchas escuras (melasmas), principalmente no rosto. Esses melasmas decorrem de uma hiperpigmentação e tendem a desaparecer em até três meses após o parto. 

Estrias também são comuns, bem como uma maior sensibilidade na pele, o aparecimento de acne e o aumento de sinais. Todas estas modificações decorrem em função do crescimento e dilatação dos vasos sanguíneos.

Outra alteração importante é a perda de elasticidade da pele, em especial na região da barriga e quadris (áreas que passam por transformações intensas no curso da gestação). É justamente por conta dessa perda de elasticidade que tendem a aparecer estrias na região.

Cuidados com a pele durante a gravidez

Confira três dicas essenciais de cuidados com a pele na gravidez.

Proteção solar

O mais importante, sem dúvidas, é o uso diário de filtro solar com fator de proteção acima de 50, mesmo em ambientes fechados. Esses produtos ajudam a controlar o aparecimento de manchas e garantem a saúde da pele.

Além disso, o uso de protetor solar previne o envelhecimento e reduz o risco de câncer de pele. Lembre-se que óculos de sol, guarda-sol e chapéu são sempre boas companhias em áreas externas.

Limpeza

As variações hormonais, que são intensas e comuns durante a gravidez, podem ocasionar o surgimento de acne, além de aumentar a oleosidade na pele da gestante.

Para tratar cravos e espinhas, as futuras mamães devem escolher dermocosméticos capazes de reduzir a secreção sebácea, atenuar as espinhas e abrir os poros.

Deve-se, porém, evitar a manipulação de produtos que contenham ácidos e mesmo o uso de aparelhos estéticos com ondas de alta frequência.

Hidratação

Se a nossa pele já precisa de atenção quanto à hidratação em condições normais, durante a gestação o cuidado precisa ser redobrado. Mas, novamente, é preciso ter atenção aos produtos permitidos e recomendados pelos médicos.

A Sociedade Brasileira de Dermatologia orienta o uso, por exemplo, de manteiga de karité, óleos de amêndoas ou minerais, glicerina, águas termais e ácido hialurônico.

Mas a boa velha dica da ingestão adequada de líquidos diariamente continua valendo e sendo a melhor forma de se manter hidratada. Isso tudo ajuda a manter a cútis e a gestação em dia.

Mulher gestante passando creme na barriga

Como fica a pele após o parto?

Após o parto, a pele da mamãe pode ficar com algumas pequenas imperfeições. As marcas mais comuns (e incômodas para algumas mulheres) são as estrias avermelhadas, celulite e manchas escuras.

Em alguns casos, há a possibilidade de perda de firmeza e elasticidade da pele, o que leva a certa ressequidão.

As áreas com estrias aparecem naqueles locais que tendem a sofrer maiores alterações com a gestação, como seios, barriga e quadris. Elas não vão sumir totalmente, mas podem ser amenizadas com o uso de cremes específicos para melhorar o aspecto da pele.

Quando se trata de manchas escuras, caso elas não desapareçam em até três meses, é necessário procurar um médico especialista para auxiliar no tratamento.

Cuidados com a pele no pós-parto

Com o pós-parto, o corpo passa, outra vez, por um grande reajustamento hormonal, período em que é importante estar vigilante à hidratação do corpo.

Isto significa que a ingestão de líquidos deve ser mais frequente (ainda mais se a mamãe amamentar no peito). Hidratar a pele com cremes e óleos diariamente é uma boa dica.

Após o nascimento de seu bebê, não descuide da proteção solar e da atenção aos produtos utilizados, que precisam de avaliação médica. Assim, o risco de contaminação ao leite materno reduz consideravelmente.

Para recuperar a elasticidade, firmeza e regenerar a epiderme, use hidratantes restauradores específicos para o pós-parto, principalmente aqueles que ajudam na produção de colágeno.

A perda de peso e líquido após o parto ajuda na eliminação da celulite. Mas uma dieta balanceada — de preferência orientada por um nutricionista — também contribui para melhorar a aparência da pele.

Rotinas saudáveis, como a prática de atividades físicas regulares, são fundamentais para a manutenção da beleza da pele, do corpo e da autoestima da mulher.

Mulher se exercitando com bebê pós parto

Redobre os cuidados com a sua pele

A gravidez e o nascimento de um bebê provocam uma revolução na vida de qualquer pessoa. As novidades e os desafios são muitos, mas não deixe de lado os cuidados com você e seu corpo.

Mantenha hábitos saudáveis, ajustando-os às novas rotinas, beba muita água e use produtos adequados para você e o recém-nascido.

Lembre-se de consultar seu obstetra e o pediatra de seu bebê sobre as melhores recomendações de dermocosméticos para cada período da gestação e do pós-parto.

Cuide-se e desfrute do bom da vida ao lado de quem você ama.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest