Blog Bem Panvel

O que fazer para baixar a temperatura do febre com bebê

Por 
 | 
15/05/2022
3 min. de leitura

Um dos piores momentos na vida de pais é quando seus filhos ficam doentes, principalmente se eles forem bem novinhos e não conseguirem comunicar o que estão sentindo, dificultando assim um diagnóstico rápido. No caso de bebês com febre, muitas vezes os pais não sabem o que fazer para reverter a situação e acabam ficando nervosos.

Em primeiro lugar, é preciso entender que a febre é mais um alerta de que algo não está totalmente correto com o bebê. Por exemplo, quadros de infecção, resfriados, insolação, desidratação, entre outros, podem se manifestar através de um estado febril. Por isso, é importante ficar atento para outros sintomas ou pela persistência da alta temperatura.

A febre no bebê começa quando a temperatura alcança os 37,5ºC e existem algumas ações que os pais podem fazer para controlar e abaixar a febre do bebê sem precisar procurar um médico ou usar medicamento. Na verdade, é indispensável saber que em hipótese alguma deve dar medicamento a um bebê sem prescrição médica.

Nós da Panvel criamos esse conteúdo com dicas do que fazer para baixar a febre do bebê e você confere nos tópicos abaixo. Se a temperatura estiver muito acima dos 37,5º ou começar a subir muito depressa, procure um médico!

Bebê com febre, o que fazer?

Assim como é importante para os adultos, a hidratação também é fundamental para a saúde dos bebês. A desidratação pode causar a febre como também pode se agravar por conta do quadro febril, já que os bebês transpiram mais, perdendo ainda mais líquido, quando estão com febre.

Em caso de bebês que ainda mamam no peito, as mães devem se hidratar de forma adequada e aumentar o número de vezes que amamenta o bebê.

Caso o bebê apresente febre, evite deixá-lo agitado, visto que a agitação faz com que exista  um gasto energético maior e a atividade metabólica aumenta, impactando na temperatura corporal.

Isso não significa que deve deixar o bebê dormindo o tempo todo, mas deixe-o repousando para poupar energias e conseguir recuperar a temperatura adequada mais rápido.

Use roupas com tecidos leves e não exagere nas camadas de roupas! O bebê já estará quente o bastante por conta da febre. É importante deixar o corpo trabalhar para voltar a temperatura adequada, não aquecê-lo ainda mais.

Compressas de água fria ou morna são ótimas opções para diminuir a febre do bebê. Umedeça um pano com água fria ou levemente morna e coloque sobre a testa do bebê. Um pano menor também pode ser utilizado nos pulsos.

Parecido com as compressas, o banho morno também ajuda muito na hora de abaixar a alta temperatura corporal do bebê.

Na rede de farmácias Panvel você encontra diversos produtos, acessórios e medicamentos que facilitam a vida das mães e bebês!

Quando se preocupar e procurar ajuda médica

Como citado anteriormente neste texto, a febre nem sempre é motivo de preocupação ou muito alarde, no entanto, é preciso ter atenção. Mas em alguns casos de febre, como o que listamos abaixo, é necessário a ajuda de um profissional da saúde.

  • Quando bebê tem menos de 3 meses de vida;
  • Se a febre passa de 38ºC e a temperatura chega rapidamente a 39,5 ºC;
  • Quando houver perda do apetite;
  • Se o bebê dormir muito e quando acordado, mostra sinais de irritação intensa;
  • Manchas ou pintinhas na pele;
  • Surgirem outros sintomas como o bebê estar sempre choramingando;
  • Quando houver sinais de que o bebê está com dificuldade para respirar;
  • Se não for possível alimentar o bebê por mais de 3 refeições;
  • Se houver sinais de desidratação;
  • O bebê ficar muito apático e não conseguir ficar de pé ou caminhar;

Se o bebê não conseguir dormir por mais de 2 horas, acordando várias vezes durante o dia ou noite.

Compartilhe
Conheça mais sobre Equipe Panvel.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

menu